Galo vence o Flamengo com show de Hulk e leva vantagem do empate para o Rio

Atlético perdeu chances de fazer mais do que o 2 a 1 diante de um Mineirão lotado; próximo confronto pelas oitavas será dia 13

Galo vence o Flamengo com show de Hulk e leva vantagem do empate para o Rio
Imagens O Tempo

 

Por O TempoPublicado em 22 de junho de 2022 | 23h23 - Atualizado em 23 de junho de 2022 | 12h16

Pelo que foi o jogo, o Flamengo pode agradecer pela diferença mínima no placar adverso no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O Atlético foi superior durante quase todo o jogo e venceu por 2 a 1, diante de um Mineirão lotado. 

Com show de Hulk, que marcou um golaço e deu uma bela assistência para Ademir, o Galo vai para o Rio de Janeiro com a vantagem do empate, no próximo dia 13. Lázaro descontou para o time carioca.

O Atlético começou o jogo como um rolo compressor e antes dos dez minutos já havia balançado as redes com uma obra-prima de Hulk. Depois de um belo lançamento de Mariano, o artilheiro do Galo encobriu Diego Alves e a bola quicou antes de estufar as redes.

Como se parecesse normal (o que vem sendo com a camisa do Atlético), Hulk saiu andando, sem esboçar nenhuma reação, como parecesse cultuar o delírio da Massa. Pela primeira vez, o autor contemplou a plateia, que foi à loucura com a pintura de gol marcado.

O Flamengo, que se atordoou no início da partida, foi entendendo o jogo e equilibrou as ações. Passou a ficar mais com a bola e o Galo se manteve na espreita, pronto para dar o bote no contra-ataque. A defesa alvinegra voltou a ser o ponto forte e o time carioca não incomodou Everson na primeira etapa.

E se antes dos dez minutos era a senha, o Galo voltou a soltar o grito de gol da garganta do torcedor. Hulk (ele de novo), saiu de dois arcadores e colocou na cabeça de Ademir, que só teve o trabalho de escorar para as redes. 

Dorival mandou a campo logo três novos jogadores para diminuir o pejuízo. Pedro, Lázaro e Rodnei. Enquanto isso, Rubens, que entrou na vaga de Vargas, obrigava Diego Alves a fazer grande defesa em chute de dentro da área.

Mas o Flamengo tem talento. E na base da pressão, conseguiu diminuir em cruzamento de Rodnei e toque de Lázaro. Everson tentou salvar, mas a bola bateu no travessão e caiu dentro do gol. Prejuízo diminuído.

Atlético 2 x 1 Flamengo

Motivo: jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil 2022

Local: estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Hulk, Ademir (A); Lázaro (F)

Cartões amarelos: Mariano (A); Everton Ribeiro, Andreas, Pablo (F)

Público: 53.953

Renda: R$ 2.113.078,00

Atlético
Everson; Mariano, Nathan Silva, Alonso e Arana; Allan, Otávio e Nacho (Calebe); Vargas (Rubens), Hulk e Keno (Ademir). Técnico: Turco Mohamed

Flamengo
Diego Alves; Matheusinho (Rodnei, Rodrigo Caio, Pablo e Filipe Luís (Ayrton Lucas); Arão (Lázaro), João Gomes, Andreas (Thiago Maia) e Everton Ribeiro (Pedro); Arrascaeta e Gabigol. Técnico: Dorival Júnior