Senadores questionam espaço da bancada feminina na CPI da Covid-19 e geram bate boca

Comissão tem onze integrantes, nenhuma mulher; um acordo autorizou a participação das parlamentares nas oitivas Por Jovem Pan 06/05/2021

Senadores questionam espaço da bancada feminina na CPI da Covid-19 e geram bate boca
Por Jovem Pan

O depoimento de Nelson Teich na CPI da Covid-19 foi interrompido por alguns minutos, no início da tarde desta quarta-feira, 6, por um bate boca envolvendo senadoras. A comissão tem onze integrantes, nenhuma mulher — mas um acordo com a bancada feminina autorizou a participação delas nas oitivas. No entanto, Ciro Nogueira (PP) discordou que Eliziane Gama (Cidadania) passasse na frente dele ao inquirir o convidado. O mal estar provocou uma discussão acalorada entre os senadores e a sessão teve de ser paralisada. Em meio à confusão, Marcos Rogério (DEM) acusou as senadoras de reforçar o coro contra o presidente da República, Jair Bolsonaro. Eliziane Gama e Simone Tebet (MDB) se levantaram e o bate boca continuou. O presidente da CPI da Covid-19, Omar Aziz (PSD), suspendeu a sessão por cinco minutos para acalmar os ânimos. Depois da interrupção, a senadora Eliziane Gama passou a fazer perguntas a Nelson Teich.