NOTÍCIA BOA Após ser diagnosticada com COVID e transferida para capital, criança guanhanense recebe alta do CTI

O menino João Pedro, de 06 anos, ainda segue internado, mas apresenta melhoras no quadro

NOTÍCIA BOA  Após ser diagnosticada com COVID e transferida para capital, criança guanhanense recebe alta do CTI
Foto enviada pela mãe da criança (Anadete Belizário) e autorizada para postagem

 

 

Na manhã desta quinta-feira (01) a mãe do menino João Pedro, de 06 anos, que precisou ser intubado e transferido para capital mineira, entrou em contato com a reportagem da Folha para dar uma boa notícia. Anadete Belizário informou que a criança tem apresentado melhoras e, hoje, depois de 20 dias intubado, ele recebeu alta do CTI.

João Pedro é portador de uma síndrome de compulsão alimentar, conhecida como “Sindrome de Prader Willi”, e chegou a pesar 70 Kg. Ele foi internado no HIC no mês de março, testando positivo para a COVID. Por apresentar complicações em decorrência da doença, precisou ser transferido para a capital mineira, onde está até hoje (01).

De acordo com Anadete, João recebeu alta do CTI, mas ainda necessita de oxigênio e vai precisar fazer uma traqueostomia. A boa notícia é que a equipe médica tem notado melhoras no quadro que estava grave. O coração que era o que mais preocupava os médicos, já está controlado. O pulmão que estava 90% comprometido, também já começou a apresentar melhoras.

Anadete afirmou que a médica que está cuidando do João disse que a recuperação total do pulmão deve ocorrer em 90 dias. “Graças a Deus ele está respondendo aos medicamentos”, disse a mãe aliviada.

Por Folha