Policial Militar quase perde a vida ao salvar uma mulher de um afogamento em São José do Jacuri.

Policial Militar quase perde a vida ao salvar uma mulher de um afogamento em São José do Jacuri.
Divulgação PMMG Policial que salvou mulher de afogamento

Neste domingo (24), um ato heroico, por pouco não custou a vida de policial militar. De folga do trabalho, o 3º Sargento PM Dilso Marinho Lucena, lotado no agrupamento de São José do Jacuri, aproveitou para se refrescar em uma cachoeira nas proximidades da cidade. Em determinado momento, sempre atento, o policial avistou uma mulher afastando-se do grupo, indo nadar em local mais distante da cachoeira, numa parte perigosa, com a existência de buracos nas pedras e redemoinhos na área.

Nesse momento, o militar percebeu que a mulher entrou na água e logo em seguida, começou a gritar por SOCORRO. Diante da situação, imediatamente o Sargento pulou na água, nadando, aproximadamente 30 metros até alcançar a mulher. Ao aproximar-se, o militar conseguiu empurrá-la até próximo da margem, momento em que outras pessoas conseguiram retirá-la da água.

Diante do desgaste físico gerado pela distância nadada, e já fraco, o policial não conseguia mais retornar, submergiu e bebeu bastante água, retornando à superfície já quase inconsciente. Uma pessoa que estavam próxima, jogou em sua direção, um pedaço de madeira, ele conseguiu segurar-se e ser puxado para a margem da cachoeira.

O Sargento Lucena foi carregado até o carro de um amigo e levado para o Hospital do Município de São João Evangelista, onde teve uma parada cardiorrespiratória, tendo sido necessária a reanimação mecânica do militar.

Felizmente, o Sargento recuperou-se e passa bem, e já recebeu alta da unidade de saúde.

 

“Exemplo do cumprimento do dever Policial Militar, de servir a sociedade, assegurando a dignidade humana, independentemente da ocasião e, se preciso, com o sacrifício supremo”.

 

Nossa melhor continência ao 3º Sargento PM Lucena.